O que é haicai? 3 livros apresentam a poesia

Por Bruno Molinero

Mal começa e já termina. Mesmo assim, o haicai pode deixar a gente pensando por horas, de tanto que tem a dizer.

De origem japonesa e fortemente marcado pela concisão, essa poesia tem apenas três versos. E costuma fazer muito sucesso no Brasil. Autores como Paulo Leminski e Millôr Fernandes, por exemplo, gostavam de escrever esse tipo de poema –que por aqui ganhou algumas diferenças, claro: enquanto no Japão os textos giram sempre em torno da natureza, no Brasil os temas passaram a ser mais variados.

A forma curta rende mais uma característica: faz com que o texto seja ideal para ser lido com crianças, seja as que estão aprendendo a ler ou as que já dominam a leitura e têm capacidade para se debruçar sobre os diferentes significados e níveis da poesia.

Tanto que muitos livros de haicai são lançados para esse público. Confira abaixo três infantis que chegaram às livrarias nos últimos anos.

 

*

 

LETRA A LETRA

Diz um poema do moçambicano Eduardo White que “sílaba a sílaba / o verso voa”. Em “Nas Asas do Haicai”, é o alfabeto inteiro que bate asas por aí. A autora, Sônia Barros, cria versos curtos e precisos para cada letra. O neto e a neta voam com as histórias do avô. A janela aberta faz o olhar viajar. Até um urso voa! Tudo sempre acompanhado por ilustrações da premiada Angela-Lago, que dá um charme extra à obra.

 

L

Livro se transforma

em tapete voador

quando tem leitor!

 

“Nas Asas do Haicai”

Autora Sônia Barros

Ilustradora Angela-Lago

Editora Aletria

Preço R$ 46 (2016; 64 págs.)

Leitor iniciante + leitura compartilhada

 

*

 

PULA FOGUEIRA

Falta pouco para as festas juninas, sempre cheias de pé de moleque, quadrilha e bandeirinhas coloridas. A escritora Fabíola Braga transforma o festejo em poesia em “Arraial do Haicai”, que traduz em rima tradições como a fogueira, a pescaria e o correio elegante. Se a pipoca estoura como os fogos no céu, o balão infla como um dragão nos versos.

 

Correio-elegante

carta sem selo:

coração sem correio

é pedra de gelo

 

“Arraial do Haicai”

Autora Fabíola Braga

Ilustradora Vanessa Prezoto

Editora Cuore

Preço R$ 39,90 (2016; 32 págs.)

Leitor iniciante + leitura compartilhada

 

*

 

ENCHER OS OLHOS

O haicai é tão curto que pode parecer fácil escrever um –mas pouca gente imagina o trabalho que é contar uma história com tão poucas palavras. E contar sem nenhuma? É o que fez o ilustrador Nelson Cruz em “Haicais Visuais”. Ele juntou a tradição da poesia japonesa à das tirinhas, de onde surgiu um livro de haicais só com imagens. Cada “poema” é composto por três ilustrações, que funcionam como se fossem versos. Sem nenhuma letra, o livro faz referências a “Alice no País das Maravilhas”, à arte de René Magritte e ao filme “King Kong”. Uma das ilustrações abre este post.

 

“Haicais Visuais”

Autor e ilustrador Nelson Cruz

Editora Positivo

Preço R$ 39,80 (2015; 60 págs.)

Leitor iniciante + leitura compartilhada

 


GOSTOU?

Clique aqui e receba todas as novidades por e-mail

Você pode entrar em contato com o blog pelo e-mail blogeraoutravez@gmail.com

Ou pelo instagram @blogeraoutravez

 

Conheça outros posts